Sua loja virtual de Mídia Exterior

Perguntas Frequentes

O que é a publicidade out of home?

Em suma, trata-se da publicidade capaz de atingir o público-alvo quando ele não está em casa. O foco dessa mídia é, justamente, a pessoa que está em constante movimento pela cidade — durante um passeio no parque, a caminho do trabalho, fazendo compras ou praticando alguma atividade física.

Essas pessoas estão longe dos meios de comunicação tradicionais. Então, as empresas precisam encontrar novas formas para envolvê-las nas campanhas, o que demonstra a relevância da tecnologia OOH para a interação nos dias atuais.

Essa proposta inovadora de marketing visa impactar o consumidor no local certo e no momento apropriado, lembrando e mantendo a marca ou produto na cabeça dele. Para isso, as campanhas precisam ser muito bem estruturadas.

Um case que fez bastante sucesso pela ousadia e criatividade foi a ação do McDonald’s na França. Nela, a empresa colocou duas placas numa estrada: uma sinalizando sua próxima lanchonete, a apenas 5 km, e outra mostrando a distância do próximo Burguer King, a 258 km.

Como se não bastasse, a rede de fast food também descreveu todo o trajeto até a loja da concorrente, tornando a placa gigantesca e com uma rota bem complexa.

 

Como funciona a publicidade out of home?

A empresa não pode somente escolher um ambiente externo com alto fluxo de passantes e decidir expor seu conteúdo ali. O ideal é realizar um estudo cauteloso sobre o público que a campanha busca atingir e relacionar com o público que, de fato, o ponto recebe.

Além disso, é preciso conhecer os três tipos de pontos para se trabalhar:

  • pontos de espera: como consultórios, elevadores, interior dos meios de transporte e filas;
  • pontos de venda: mercados e shoppings, por exemplo;
  • pontos de trânsito: ruas, parques, centros comerciais e demais locais em que as pessoas caminham ou passam em veículos.

Outro detalhe fundamental a se considerar é o tipo de conteúdo para cada ponto. Por exemplo, uma pessoa que está de passagem por um parque, por um centro comercial ou por uma estrada (pontos de trânsito) não está com muito tempo para ler e pensar sobre a campanha exibida ali. Nesses casos, o indicado é prezar por informações atrativas, porém concisas.

No geral, as campanhas de publicidade out of home devem ter seu propósito bem definido para passar mensagens claras e objetivas. Outras sugestões são: usar fontes grandes e fáceis de ler, optar por imagens de qualidade, estudar a concorrência, respeitar as regras do local e não ter medo de inovar no conceito e no design.

 

Quais as vantagens e desvantagens da publicidade out of home?

Sabendo empregar os recursos da publicidade out of home com um planejamento estratégico, é possível desenvolver um projeto eficaz com um bom custo-benefício. Contudo, é imprescindível que o negócio em questão conheça verdadeiramente a capacidade dessa mídia alternativa, em termos de frequência, cobertura e impacto, para determinar precisamente suas ações e objetivos.

Assim, com relação às vantagens da publicidade OOH, podemos destacar:

  • alcance de audiência em massa: é possível atingir muitas pessoas ao mesmo tempo;
  • exibição contínua: se for interessante para sua estratégia de marketing, a campanha pode ser exibida ininterruptamente;
  • versatilidade: tem muitas  opções de aplicação e pode ser empregada em diversas situações;
  • pontualidade: mídia com impacto rápido, o que resulta em uma comunicação muito mais pontual;
  • custo de investimento acessível: ao contrário do que se pensa, pode ser executada com uma quantia mais modesta, desde que planejada por profissionais de alta expertise;
  • maleabilidade: com a publicidade OOH, sua empresa tem a oportunidade de expandir cada vez mais sua divulgação, pois o anúncio pode ser estendido para outras localidades.

Com relação às desvantagens, podemos afirmar que elas podem ser facilmente superadas por meio de um plano de mídia eficiente. O que queremos dizer é que o procedimento pode ser desnecessariamente oneroso, demorado e trabalhoso se a empresa não contar com profissionais de confiança.

Além disso, uma estratégia mal pensada pode acarretar falta de seletividade e dificuldade de medir o tamanho do público.

 

Quais os tipos de publicidade out of home?

Existem duas categorias da mídia out of home: a place-based e a tradicional. Além, é claro, da digital OOH.

  • publicidade out of home placed-based: concentra, basicamente, os locais em que a mídia pode ser colocada, como aeroportos, lojas, shoppings, arenas, eventos etc.;
  • publicidade out of home tradicional: engloba os meios utilizados para a aplicação dos formatos da mídia, como pontos de ônibus, orelhões, transporte público, táxis, veículos da Uber, outdoors, amostras etc.

A publicidade digital out of home é uma variação da já conhecida out of home. Nela, porém, são usados monitores e telas de LED para dar vida à propaganda desejada.

Essa última opção é bastante interativa e com um poder de atração maior. Ainda, trata-se de uma ferramenta que traz outra importante vantagem: a publicidade digital OOH é perfeita para fazer medições, sejam elas de audiência, de tipos de público, de hábitos, entre outras. Isso significa números mais precisos sobre a audiência e as exibições, que resultarão em campanhas mais efetivas.

Gostou dessas informações? Lembre-se de que a publicidade out of home é o futuro do marketing, graças a suas incontáveis possibilidades criativas. Você não quer ficar para trás, não é mesmo?

 

O que é mídia digital out of home (MDOOH ou DOOH)?

Você sabia que existem diversos tipos de mídias OOH (mídia digital out of home ou, em português, fora de casa)? Não sabe o que significa?

Então, antes de começarmos a falar sobre os tipos, as vantagens e as maiores dúvidas em relação a elas, vamos entender o que é uma mídia digital out of home (MDOOH ou somente DOOH). Trata-se de qualquer tipo de comunicação que atinja um consumidor enquanto ele estiver fora de sua casa.

Com o grande avanço tecnológico e com a rotina cada vez mais turbulenta das pessoas, as empresas precisam pensar em um novo método para alcançar seus clientes. Não se pode esquecer que o público está cada vez mais detalhista e seletivo, dando atenção apenas ao que realmente interessa a ele.

Então chegou a hora da MDOOH chamar a atenção desse novo consumidor, já que as mídias mais convencionais, como o rádio, a televisão e os jornais, estão perdendo espaço devido ao curto tempo que as pessoas passam em casa.

Como estamos falando de um modelo de publicidade atual, há muitas dúvidas em relação ao seu funcionamento e às suas características. Quer conhecer as 8 dúvidas mais frequentes para aprender a explorar esse poderoso método em sua empresa? Então, boa leitura!

 

Como é o funcionamento da mídia digital out of home?

Bem, o objetivo é permitir que as campanhas DOOH disponibilizem mensagens que sejam capazes de alcançar o maior número de consumidores, falando diretamente com cada um deles, de modo particular, como se fosse uma entrevista entre duas pessoas.

Quando você pensa nesse tipo de publicidade, outdoors e cartazes são os primeiros que vêm a sua mente? Se a resposta é “sim”, você precisa mudar o seu pensamento, pois o que esses anúncios fazem é completamente diferente das campanhas DOOH, já que são estáticos e não conseguem conquistar a atenção da maioria.

A mídia digital out of home possibilita a atualização em tempo real das campanhas, o que é muito útil para transmitir uma mensagem certa, no melhor lugar e no ambiente propício. Dessa maneira, dificilmente esse tipo de propaganda vai ser considerado um motivo de poluição visual ou de estresse.

 

Como anunciar na mídia digital out of home?

O primeiro passo é encontrar pontos estratégicos. Em seguida, é preciso refletir sobre o conteúdo e sobre o modo como serão feitas as instalações. É válido lembrar que as ações de MDOOH baseiam-se na instalação de monitores de alta tecnologia que apresentam conteúdos “tempestivos” para cada audiência, em lugares apropriados.

Para trabalhar com as instalações, é essencial contratar uma empresa qualificada em mídia digital out of home, pois ela oferecerá, além dos equipamentos necessários, os recursos que permitem o acompanhamento da campanha.

Quanto ao conteúdo, se não for contratar uma empresa para produzi-lo, é importante ter noção de sua relevância e fazer uma adequação para cada segmentação de consumidores. Portanto, ao pensar na produção do texto, lembre-se das pessoas que comprarão os produtos que sua empresa vende.

 

Onde são colocados os monitores?

As campanhas DOOH são colocadas em lugares onde as pessoas estão sempre presentes, visto que o maior propósito é levar o público a identificar uma necessidade, entreter ou até mesmo adquirir uma informação.

Os lugares mais comuns são:

  • pontos de ônibus;
  • aeroportos;
  • lojas;
  • supermercados;
  • shoppings;
  • voos;
  • academias;
  • avenidas movimentadas;
  • salóes de beleza;
  • clínicas.

Quer um exemplo? Imagine uma pessoa esperando o horário do seu voo e, de repente, a empresa aérea avisa que haverá um atraso. Considere que ela esteja com fome e bem ao seu lado está uma tela exibindo um lanche atraente e um copo de refrigerante. É fato que essa pessoa terá vontade de adquirir os produtos, não é mesmo?

Esse caso ressalta muito bem um dos propósitos das campanhas DOOH: fazer o público identificar uma necessidade.

 

Qualquer empresa pode divulgar?

Você talvez esteja se perguntando se empresas pequenas podem divulgar campanhas DOOH. A resposta é “sim”, pois estamos falando de mídias totalmente democráticas, que atendem à necessidade de diversos tipos de negócios.

Apesar dos diferentes segmentos do mercado, algo é comum para todos os negócios na atualidade: o modo de se comunicar deve ser reinventado. Ainda mais se pararmos para pensar nos constantes avanços da tecnologia e na crescente força das redes sociais.

Essa é uma alternativa que vai trazer diversas vantagens para a sua empresa, além de atrair muitos clientes, já que é de alta qualidade, ágil e com boa segmentação. Conhecer alguns cases de campanhas que foram bem-sucedidas ao usar MOOH talvez inspire as próximas ações de marketing do seu empreendimento também.

 

O público vai ser alcançado?

As campanhas são colocadas em lugares específicos justamente para alcançar quem você deseja. A mídia digital out of home tem um grande potencial para atingir e atrair seus consumidores ideais, pois faz adequações por meio de customizações para melhorar a campanha em tempo real.

Como já mencionamos aqui, o conteúdo deve ser produzido de modo que se adéque a cada consumidor — lembrando que, como não há restrições de público, os conteúdos têm que ser fragmentados, para que atinjam todos os grupos impactados pela mídia.

Por exemplo, caso sua empresa ofereça suplementos para ganho de massa muscular, o melhor local para fazer o anúncio seria uma academia.

No entanto, se a sua intenção for alcançar um número maior de clientes, locais que garantem maior visibilidade são: terminais rodoviários, shoppings, pontos de ônibus etc.

 

É possível interagir com o público?

As mídias DOOH são renovadas remotamente de maneira muito ágil e prática. Sendo assim, as campanhas são criadas e modificadas em tempo real, o que garante uma grande interatividade com o público.

Uma boa sugestão é a integração com os dispositivos móveis. Você pode inserir um QR code, um site ou um quiz no seu anúncio para estimular o consumidor a interagir com sua campanha utilizando o tablet ou o celular. Essa facilidade proporciona maior engajamento e, consequentemente, a fidelização com o produto.

Portanto, para que seja eficiente e garanta bons resultados, o projeto de mídia out of home deve privilegiar esse tipo de ação.

 

Como criar conteúdo para mídia digital out of home?

Além das questões relacionadas à instalação dos equipamentos, é importante planejar o conteúdo que será veiculado. Para dar início a um plano de mídia digital estratégico, é necessário realizar uma segmentação do público.

É preciso conhecer o público-alvo intimamente, saber de seus interesses, preferências, necessidades e desejos, para, então, planejar a campanha. Para tanto, desenvolva pesquisas e responda a alguns critérios, como: qual a faixa etária e o sexo da sua audiência? Como ela costuma se locomover pela cidade? Quais locais frequenta diariamente e aonde costuma ir para passeio?

Questionando-se sobre o público e suas preferências, fica mais fácil indicar o tipo de conteúdo que trará mais resultados, gerando vendas.

O segundo passo é escolher a rede de distribuição para a campanha. Atualmente, os três tipos básicos de rede para se trabalhar são:

  • pontos de espera: academias, salões de beleza, elevadores, metrôs e ônibus;
  • pontos de trânsito: aeroportos, terminais rodoviários, pontos de ônibus e estações de metrô.
  • pontos de vendas: supermercados, lojas de conveniência e comércio no geral;

Algumas empresas optam por distribuir o conteúdo para as três opções de rede, mas o ideal é tomar essa decisão com base no público presente em cada um dos pontos. Ou seja, o alvo deve ser a relevância das redes e a distribuição de conteúdo certo para sua audiência, e não a quantidade de telas.

Em seguida, é válido definir o tipo de conteúdo que sua empresa deseja compartilhar e saber exatamente qual é o objetivo da sua campanha: apresentação de um novo produto, construção da marca ou aumento das vendas?

Tenha isso bem claro para prosseguir com sua estratégia de MOOH, pois, assim, você dificilmente cometerá um erro ao determinar linguagem, cores, textos, imagens, estilo de vídeo e recursos visuais que devem ser adotados.

Em suma, para o desenvolvimento do conteúdo de MOOH, procure focar em:

  • ter um branding consistente, usando diretrizes padronizadas da marca;
  • fazer um conteúdo preciso e organizado;
  • promover a legibilidade, para que a audiência seja capaz de absorver a informação com eficiência;
  • destacar pontos-chave, isto é, se concentrar naqueles dados que são cruciais para sua campanha;
  • selecionar imagens e ícones apropriados;
  • caprichar na call to action (chamada para ação) para incentivar o público a fazer alguma coisa, como ir a sua loja, comprar um produto, entrar em contato com a empresa ou aproveitar as ofertas.

 

O mídia digital out of home permite interação com outras mídias?

Já percebeu que há muitos benefícios nesse tipo de publicidade, certo? E temos aqui mais um. Como não estamos falando de um sistema isolado, o relacionamento com outros sistemas midiáticos que utilizem geolocalização se torna possível.

Como assim? É simples. Por meio da geolocalização, a empresa descobre o local em que o consumidor está e pode impactá-lo com uma mensagem apropriada, no ponto mais adequado. Sendo assim, é preciso que haja uma interação entre operadoras de telefonia e empresas, por exemplo, para que o objetivo seja realizado com sucesso.

Ao incorporar câmeras e telas touchscreen por meio de smartphones, tablets e internet na campanha OOH, as propagandas ganham força e dinamismo para interagir com os consumidores que passam pelo ponto onde estão instaladas.

Essa é uma estratégia de marketing muito relevante para conquistar novos clientes, garantir lucros e obter um grande crescimento na empresa. Mídias como a digital out of home precisam ser implantadas e utilizadas, já que têm tantas vantagens, custo reduzido e alto impacto.

Lembre-se: quanto mais preciso o conteúdo for, maior será a chance de alcançar o público-alvo. Portanto, alguns cuidados devem ser tomados na hora da exibição. Lendo com atenção as dúvidas acima, você terá bons resultados ao utilizar a DOOH.